Mulher Medicina

As terapias populares assentam numa estrutura construída ao longo dos séculos.Às propriedades medicinais das plantas juntou-se um elemento potenciador, a crença na eficácia associada à fé, à religião e por vezes a um mundo mágico e simbólico.

Herdamos das nossas ancestrais um conhecimento antigo, guardado de geração.
Quantas de nós já recorremos com regularidade às mezinhas, tisanas e até mesmo a benzedura?

Chegou o momento de relembrar a Mulher Medicina que habita em nós, aceder a ela e a todos os seus mistérios, assim, curamos o nosso corpo e alma e consequentemente toda a nossa Teia de relações.

“Mulher Medicina não é a Mulher que Cura, Mulher Medicina é a Mulher que Ama.”

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *